Champô seco, o que é, como e quando usar?

Não há nada como a sensação de cabelo acabadinho de lavar – fresco, solto, leve, pelo menos por mim falo, é o ponto alto do meu cabelo. Infelizmente não tenho o cabelo lindo e farto que gostaria e acho que só consigo tirar partido dele logo após a lavagem/brushing. Depois de dormir então, esqueçam… fica agarrado à cabeça, cheio de jeitos, a puxar para o oleoso, tanto que muitas vezes resolvia o assunto com um rabo de cavalo para não pensar muito sobre o assunto até à próxima lavagem. Até ao dia em que o champô seco entrou na minha vida!

Provavelmente até já ouviram falar por aí e até acredito que muitas de vós não arrisquem em mais uma modernice. Pois eu tenho-vos a dizer que este produto resulta muito bem comigo, sobretudo naqueles dias em que quero poupá-lo a mais uma lavagem e mantê-lo apresentável digamos. Se substitui uma lavagem normal? A meu ver não ou pelo menos eu ainda não conheço uma fórmula milagrosa que me dê a mesma sensação de cabelo lavado, tal e qual. Mas que remove a oleosidade, traz corpo e volume SIM. E nos últimos meses foram muitas as marcas a apostar neste produto, sobretudo as marcas mais comerciais.

Para quem nunca teve oportunidade de testar, o champô seco é nada mais nada menos do que um pó com recurso a vaporizador que deve ser aplicado a cerca de 30cm do cabelo. No meu caso, aplico sobretudo na parte frontal, junto ao rosto que é onde eu sinto que se nota mais a oleosidade. Depois é deixar actuar entre 1 a 2 minutos e escovar para remover o excesso.

Klorane  •  Batiste  •  Ultra Suave da Garnier  •  Nioxin  •  Kérastase

 


 

E em relação a fórmulas, qual é a mais indicada? Bom, eu já experimentei uma série delas e nem todas funcionaram comigo, até porque cada caso é um caso. Acima deixo-vos alguns dos produtos com os quais me dei bem, sendo que para mim o Batiste foi o que resultou melhor, precisamente pela fórmula ser a mais consistente e dar corpo ao meu cabelo fininho. Mas é como disse, o que pode funcionar comigo pode não funcionar no vosso. Mas digam de vossa justiça, meninas adeptas de champô seco, qual é o vosso favorito?

Article Tags :
Posts relacionados

4 Comentários neste post

  1. Inês diz:

    Olá, Andreia.
    Será que pode dizer-me: estes shampôs podem ser usados todos os dias ou apenas pontualmente?
    Obrigada!

    • Andreia Calisto diz:

      Olá Inês, sim podem, sobretudo pessoas que têm o cabelo seco e não sentem tanta necessidade de o lavar regularmente. No entanto tal como disse não substituem uma lavagem mais profunda. 🙂

  2. Dos que já experimentei, o da Klorane foi o melhor. Um bom aliado para os bad hair days. beijinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *